Pensei que estava indo para mais uma sessão de choquinhos e “luz vermelha”, quando fui surpreendida com a mudança do responsável por mim naqueles momentos.

Antes, era uma mocinha… estagiária, suponho.

Mas aquele que me deu um” boa tarde” animado não era um estagiário. Longe disso.

Moreno, pele bronzeada por conta das horas passadas na piscina nas aulas de natação, ombro largo, boca bem desenhada.

Já o tinha visto e falado com ele e já tinha… desejado.

Passou bem rápido o momento em que ele pediu para eu tirar o sapato até quando ele pegou no meu pé para fazer os movimentos necessários.

Foi nesse momento que deixei meu pensamento voar…

Por um momento pensei naquelas mãos subindo por minhas pernas, acompanhando cada toque por sua boca, subindo naquela maca estreita.

Senti o peso do seu corpo sobre o meu, a respiração em meu pescoço enquanto ele me explorava com a boca e a língua.

Meu coração batia rápido e meu corpo já sentia os efeitos  daquele toque.

As mão grandes, ágeis e quentes percorriam meu corpo, puxavam minha blusa tocavam minha pele fria pelo inesperado.

Minhas mãos não ficaram inertes por muito tempo, logo avançaram por debaixo da blusa tocando aquela pele macia, com músculos definidos  sem nenhum resquício de pelo.

Não demoraram nada em alcançar o limite da calça jeans que já revelava a reação – que eu já havia sentido- de seu corpo.

Desvencilhe-o de sua roupa, e ele já fazia o mesmo comigo…

Até que me deparei com seus olhos quase negros e um sorriso em seus lábios.

– Pronto…

Ai, senti aquele calor que envolvia os meus pés cessar  e acordei.

Ele sorriu de lado.

– Nunca a vi com uma cara tão boa… – de fato, eu estava com sorrisinho nos lábios, mas ainda bem que ele não podia ver o meu batimento acelerado.

Eu apenas sorri e me despedi.

Tinha acontecido novamente…

Mais um devaneio.

 

 

 

Depois e um longo e tenebroso inverno, consegui escrever alguma coisa pra vocês!!!

Espero que tenham gostado!!

Bjus

Compartilhe

Sobre o autor

Pseudo Nerd.
Canceriana (isso importa?).
Adoro escrever e ler. Viciada em filmes e seriados.
Conhecida por sentir as coisas alem do necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *